Apartamento financiado entra no Imposto de Renda? Descubra

Apartamento financiado entra no imposto de renda

Quantas vezes você já se questionou se o seu apartamento financiado entra no Imposto de Renda?

Se você se enquadra em um dos critérios de quem é obrigado a declarar o Imposto de Renda, é necessário discriminar todos os ganhos e as despesas — incluindo um apartamento financiado.

Nesse caso, é preciso saber que um imóvel financiado tem especificações diferentes. Por exemplo, deve-se declarar somente o valor gasto com o imóvel no ano anterior, não o valor completo.

Quer saber mais sobre o assunto? Descubra como declarar seu apartamento financiado neste artigo!

Saiba quem pode declarar o Imposto de Renda em 2021

Via de regra, independentemente da renda, qualquer pessoa pode declarar o Imposto de Renda. Contudo, existem casos em que a ação é obrigatória.

A obrigatoriedade é aplicada a quem:

  • Recebeu rendimentos tributáveis (salários, honorários, comissões, pró-labore etc.) acima de R$ 28.559,70 durante o ano de 2020.
  • Obteve rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados direto na fonte (alimentação, transporte etc.) maior que R$ 40.000,00 durante o ano de 2020.
  • Exerceu atividade rural e teve receita bruta acima de R$ 142.798,50 ou pretende compensar prejuízos de anos anteriores ou até mesmo de 2020.
  • Recebeu o auxílio emergencial e obteve  rendimentos tributáveis iguais ou superiores a R$ 22.847,76.
  • Recebeu dinheiro por conta de alienação de bens e direitos sobre a qual o IR incida ou realizou operações em bolsas de valores, mercadorias, futuro ou semelhantes em qualquer mês.
  • Possuiu até 31/12/2020 bens ou direitos no valor total superior a R$ 300 mil —  somando todos.
  • Passou à condição de residente no Brasil e se manteve até 31/12/2020.
  • Vendeu imóveis residenciais e obteve ganho na operação, mesmo que tenha comprado outro imóvel em um prazo de 180 dias, e usou da regra de isenção do Imposto de Renda.

Quando declarar um imóvel no Imposto de Renda?

Basicamente, há dois casos em que há a necessidade de declaração de um imóvel: 

  1. Quando você é obrigado a declarar devido a qualquer um dos critérios acima — por exemplo, se você recebeu mais de R$ 28.559,70 no ano, seu apartamento financiado entra no Imposto de Renda.
  2. Quando você possuía até 31/12/2020 bens ou direitos com valor total acima de R$ 300 mil.

Nesses casos, você declara conforme as seguintes situações:

Compra

Se você obteve um imóvel dentro das seguintes condições:

  • Comprou.
  • Financiou — apartamento financiado entra no Imposto de Renda e, nesse caso, você vai declarar a soma do valor de entrada ao das parcelas pagas no ano e os custos extras.
  • Imóvel adquirido antes de 2020 — se você era dependente ou não era obrigado a declarar.
  • Imóvel comprado com dois ou mais proprietários — caso tenha adquirido o imóvel com outra(s) pessoa(s), você vai declarar a sua parte correspondente.
  • Consórcio — devem ser declaradas todas as parcelas pagas ao consórcio até então.

Venda

Se você se desfez do imóvel em um desses cenários:

  • Venda.
  • Venda financiada — o apartamento financiado entra no Imposto de Renda quando você vendeu o imóvel antes de pagar o financiamento.
  • Imóvel vendido com dois ou mais proprietários — declara-se conforme a quantia de cada parte.

Doação

Em caso de doações, a cobrança só ocorre se o imóvel for declarado pelo doador pelo valor de mercado, como se fosse uma venda.

Caso seja discriminado pelo custo de aquisição, não há a cobrança, mas a pessoa que recebeu o bem precisa incluir o local em sua declaração.

Herança

Quem recebeu o bem por herança não precisa pagar imposto, mas ainda assim deve declarar caso entre em um dos outros critérios.

É possível declarar a reforma de imóveis no Imposto de Renda?

Sim, as reformas também devem entrar em sua declaração, porque benfeitorias são formas de valorizar o imóvel, aumentando seu valor de mercado.

Portanto, na sua manifestação, entram gastos com:

  • Pintura
  • Ampliação do local
  • Troca de piso
  • Planejamento de móveis
  • Instalações elétricas
  • Outras formas de reforma

Passo a passo para declarar um apartamento financiado no IR

Para saber como declarar apartamento financiado no Imposto de Renda, é bem simples. Basta seguir este passo a passo.

Descubra quanto você gastou no ano passado

Primeiramente, saiba que é necessário declarar somente o valor do financiamento referente às parcelas pagas em 2020, não o valor do imóvel inteiro — esse é um erro comum.

Por exemplo, você financiou uma casa de R$ 200.000, deu R$ 50.000 de entrada e pagou 4 parcelas de R$ 2.000 no ano passado. 

Então, o valor a ser declarado é R$ 58.000.

Tenha as informações essenciais em mãos

São necessários os dados sobre o imóvel na hora de declarar, portanto é importante já ter em mãos essas informações para facilitar e agilizar a sua vida.

Saiba os seguintes pontos:

  • Endereço
  • Inscrição municipal
  • Área total
  • Data de aquisição do imóvel
  • Discriminação
  • Registro em cartório de imóveis (matrícula do imóvel caso esteja registrado)
  • Situação no ano anterior (quanto foi pago no ano passado)
  • Situação no ano atual (quanto pagou até este ano)

Preencha com atenção

Primeiro, acesse a aba de “Bens e Direitos” e clique em Novo.

Na área, preencha com as informações citadas acima e escolha o tipo de imóvel (prédio residencial, prédio comercial, galpão, apartamento, casa, terreno, imóvel rural, sala ou conjugado).

No campo “Situação”, coloque o valor pago no ano passado conforme exemplificado acima. Caso tenha pago R$ 10.000 no apartamento, é esse valor que você irá discriminar.

Procurando imóveis para comprar? Conheça os empreendimentos da Wanderley Construções

Estamos inovando o mercado com construções sustentáveis, eficientes e rápidas há dez anos.

Oferecemos diversas soluções ótimas para você morar no lugar do seus sonhos.

Veja alguns dos nossos melhores imóveis:

Ares de Cruzeiro

O imóvel se localiza em um dos melhores bairros de Campina Grande, oferecendo muita comodidade, porque tudo o que você precisa está perto.

Além disso, o Ares de Cruzeiro reúne bem-estar, inovação e praticidade em um único lugar.

Entre as vantagens do condomínio podemos citar: mini quadra poliesportiva, espaço beleza,

espaço chef (espaço gourmet), coworking com duas salas privativas, piscina infantil com prainha, piscina com raia de natação e muito mais.

Connect Residence

Se você está buscando comodidade e segurança em Campina Grande, este condomínio é para você.

Além de implementar diversas ações de sustentabilidade, o local oferece: playground, brinquedoteca, espaço pet, horta coletiva, academia, piscinas adulto e infantil e muito mais.

Agora que você já entendeu como o apartamento financiado entra no Imposto de Renda, conheça mais sobre os imóveis da Wanderley Construções aqui.

Gostou deste artigo? Veja também:

x

Simulador de financiamento


1
2
3
4
5

Selecione a sua cidade

© 2021 - Todos os direitos reservados